Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/01/19 às 12h01 - Atualizado em 2/01/19 às 17h06

Ibaneis Rocha é o novo governador do Distrito Federal

 

Depois de ser empossado na Câmara Legislativa nesta terça-feira (1°), o novo governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, dirigiu-se ao Palácio do Buriti para a cerimônia de transmissão do cargo.

 

Acompanhado do vice, Paco Britto, Ibaneis recebeu a faixa governamental das mãos do ex-chefe do Executivo local Rodrigo Rollemberg.

 

Ao falar com jornalistas no palácio, Rollemberg disse deixar o governo com um “sentimento de profunda gratidão à população de Brasília e a tranquilidade da consciência de que cumprimos a nossa missão e estamos entregando a cidade infinitamente melhor do que a recebemos”.

 

Posse de Ibaneis na Câmara Legislativa

 

Antes de chegar ao Buriti, Ibaneis Rocha e Paco Britto foram empossados em sessão solene na Câmara Legislativa, que começou por volta das 11h30.

 

“Temos de trabalhar de forma unida, independentemente de bandeiras partidárias e de ideologia, chegou a hora de nos unirmos por Brasília”, defendeu o governador.

 

Em discurso improvisado, Ibaneis disse estar muito feliz de assumir o mandato e listou exemplos de situações preocupantes em áreas da saúde, segurança pública e infraestrutura. “Não tenho medo de encarar os desafios, sei que são muitos.”

 

Ibaneis contou que, depois de ser eleito, conversou com os distritais para pedir prioridade a projetos do Executivo e buscou recursos junto ao governo federal.

 

Antes da cerimônia, o governador e o vice participaram da posse dos 24 deputados distritais eleitos.

 

Mais cedo, antes da solenidade no Legislativo local, Ibaneis foi à missa no Santuário Dom Bosco (702 Sul), presidida pelo arcebispo de Brasília, cardeal Sergio da Rocha.

 

Público da posse de Ibaneis

 

Segundo estimativa da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), cerca de 1,4 mil pessoas participaram da posse de Ibaneis Rocha, em clima de tranquilidade e sem complicações no trânsito.

 

Na Via N1, na altura do Buriti, o tráfego foi bloqueado por volta das 10h30 e desviado para a lateral do Tribunal de Contas do Distrito Federal para a pista atrás do palácio, que teve sentido único invertido (subindo). Os veículos passavam em frente à Agência de Desenvolvimento do DF (Terracap) e eram reconduzidos à N1.

 

Em frente à Câmara Legislativa, fez-se uma pequena intervenção na Via S1, após o fim da cerimônia no parlamento para que o governador e o vice se deslocassem até o Buriti.

 

Entre as sedes dos Poderes Legislativo e Executivo, um ponto de travessia de pedestres foi montado sob a coordenação de agentes do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF).

 

A PMDF não registrou ocorrência, e o Corpo de Bombeiros Militar não precisou fazer atendimentos. Também não houve registros nas delegacias próximas da região da posse.

 

Centro Integrado de Operações de Brasília (Ciob), da Secretaria da Segurança Pública e da Paz Social, monitorou a área com 24 agências integradas.

 

Esquadrão de Bombas da Polícia Militar fez varredura nos três locais nas primeiras horas do dia e não encontrou nenhum objeto suspeito.

 

Breve perfil de Ibaneis Rocha

 

Ibaneis Rocha Barros Junior nasceu em 10 de julho de 1971, em Brasília. Formado em direito pelo Centro Universitário de Brasília (UniCeub) e pós-graduado em direito e processo do trabalho e processo civil, o atual governador do Distrito Federal e o vice, Paco Britto, foram eleitos com 1.042.574 votos — 69,79% dos votos válidos.

 

De 2013 a 2015, Ibaneis presidiu a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional do Distrito Federal (OAB-DF) e, em 2008 e 2009, foi vice-presidente. No período de 2007-2010, ocupou o cargo de secretário-geral da Comissão Nacional de Prerrogativas do Conselho Federal da OAB. Nas gestões de 2004 e 2009, atuou como conselheiro da ordem.

 

 

 

DA AGÊNCIA BRASÍLIA

Colaboraram Amanda Martimon, Cibele Moreira e Samira Pádua.

EDIÇÃO: RAQUEL FLORES

 

GALERIA DE FOTOS